Focar em um estilo por vez ou aprender vários ao mesmo tempo?

Recebi esta mensagem através do instagram:

“Bom dia cara, tudo bem? Tenho acompanhado sua página aqui no Insta e também o blog, ambos muito bons. Gostaria de sugerir inclusive um tema para o blog dentro de uma dúvida que eu mesmo tenho, já que pratico dança de salão a algum tempo que é o seguinte: é melhor o aluno aprender um estilo de dança por vez ou fazer vários ao mesmo tempo como é o caso das aulas de dança de salão? Focar em um estilo por vez ou aprender vários ao mesmo tempo? Qual a sua opinião? Abraço e sucesso!”

Antes desta leitura sugiro você dar ruma passadinha em um texto curtinho: BASE E BÁSICO.

Bora lá!

Focar em um estilo por vez

Ao focar em um estilo por vez, o praticante acelera o desenvolvimento específico daquela modalidade e alcança um nível alto de dança mais rápido. Isso acontece, porque a quantidade de movimentações básicas que ele acaba aprendendo é menor.

Mas movimentações básicas não são super importantes?

Com toda certeza! O que acontece, porém, é que o volume de movimentações básicas existentes em cada dança é enorme, o praticante não necessita deste volume todo de variações de movimentações básicas para conseguir aprender algo mais complexo dentro de uma dança específica. Claro que para cada dança, que se quer chegar aos encadeamentos complexos, é necessário passar pela base daquela modalidade.

Além disso, este alto volume de movimentações básicas, pode acabar gerando uma sobrecarga para a capacidade de armazenamento de informação da pessoa, então ela pode acabar tendo que rever mais vezes cada movimentação, atrasando ainda mais o processo.

É preciso tomar cuidado, porém. Movimentações novas e desafiadoras costumam ser mais estimulantes, e o praticante de uma modalidade só, tem acesso a elas com mais velocidade, então a tendência desta pessoa não ter paciência para aprimorar elementos de base, é maior. Pode ser que demore um tempo até ela entender que movimentações complexas não são o que determinam uma dança avançada.

Por isso o papel de quem instrui é tão importante para colher os benefícios da aprendizagem. O profissional que ensina uma modalidade só, precisa saber conter a urgência natural, dos alunos , por novidade e complexidade, sem desestimular os aprendizes. Isso se faz, mostrando constantemente, a beleza e a extrema eficiência do estudo das bases, dos fundamentos.

Cada vez mais, dançarinos de destaque no cenário da dança mundial, são especialistas em uma ou duas modalidades. E se forem duas, normalmente tem uma que é o carro chefe, se sobressaindo sobre a outra.

Em contra partida, é muito raro encontrarmos especialistas de destaque que não tenham passado por experiências em outros ritmos. Cada vez mais uma dança exerce influência sobre a outra. Além disso o domínio sobre a coordenação e sobre a consciência corporal, que as várias modalidades proporcionam, só contribuem para o sucesso do praticante na individualidade de cada modalidade.

Vantagens de aprender vários estilos ao mesmo tempo

Apesar de ser um caminho mais longo, de demorar mais para se formar dançarinos avançados, sem dúvidas ao chegarem na parte avançada estes dançarinos serão mais completos. Estas pessoas também têm a tendencia de agradar mais os parceiros durante a dança. Eles passam um tempo maior procurando adaptar o corpo a uma nova realidade, então é mais natural para eles, se adaptarem a cada diferente par.

O contato prolongado com movimentações básicas permite, a estes praticantes, observar com mais calma aspectos super importantes de uma base sólida para a dança. Por exemplo, maneira em que pisam no chão, a forma como transferem o peso (leia: Equilíbrio e Transferência De Peso! Como Melhorar Sua Dança Toda De Uma Só Vez!) .

As movimentações menos complexas permitem um maior tempo observando a qualidade de cada aspecto, a postura, a forma com que o braço se movimento, além de ter mais tempo de entender melhor a lógica de funcionamento da dança e das movimentações do par.

Com uma base bem mais reforçada, chega um ponto em que estes praticantes começam a absorver conteúdos novos com facilidade, velocidade e qualidade ímpares. Mesmo assim estas pessoas terão dificuldade de chegar ao nível de profundidade de um especialista caso, em algum momento, não passem a focar em uma modalidade específica.

Conclusão

Os dois caminhos são válidos, o que mais vai pesar na hora da decisão é o seu objetivo. Quero aprender com mais solidez e tenho menos pressa? várias modalidades é o caminho. Quero ver resultados mais rápidos e me preocupar com detalhes de aperfeiçoamento depois? Uma modalidade é o caminho.

QUER FAZER AULAS DE FORRÓ?

Entre em contato comigo. Não deixe de acompanhar outras postagens relacionadas, siga o Blog e as contas do instagram @feliperaso e @diandraeraso.

Quanto vale este conteúdo para você?

Você pode ajudar a manter a qualidade e a periodicidade do Blog doando qualquer quantia! Este conteúdo segue grátis, mas a sua doação contribui para que o Blog siga firme ajudando a sua caminhada na dança!

Se não quiser quiser doar, não tem problema algum, você pode contribuir indicando o Blog para uma amigo ou compartilhando nas suas redes sociais!!!

Doação ao Blog

A doação está com o preço de 1 real! Para doar mais, basta modificar a quantidade para ajustar ao valor que você deseja! Muito Obrigado!

R$1,00

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s